Ideias criativas para comemorar o Dia das Mães

Faltam apenas 5 dias para o dia das mães, por isso trouxemos  dicas para que não pensou nos detalhes da comemoração e nos presentinhos.

Para celebrar esse dia de maneira criativa e aproveite para curtir a mulher incrível que faz parte da sua vida

Cesta de Presentes

pois você perderá o prazer de pensar em cada coisinha

Crie sua própria cesta de presentes | Ao invés de investir em cestas prontas (que além de custar uma fortuna, você perde o prazer de pensar em cada coisinha que ela gosta), compre os presentes separadamente e faça uma cesta customizada, a sua cesta ficará muito mais especial e pessoal para alegrar o dia da sua mãe

Leve o Café da Manhã Na Cama

Geralmente, as mães estão acostumadas a servir, não é mesmo? Não acha que seria uma delícia ela acordar e se deparar com uma bela mesa de café da manhã?

Prepare um café da manhã diferente (com panquecas e waffles, por exemplo) e surpreenda a sua mãe levando todas as comidinhas que fez em uma bandeja. Vale enfeitar o apoio com flores, frases, corações, Cartões… Use a imaginação!

Brunch

Prepare um brunch para ela | O brunch é um café da manhã reforçado (em inglês, a sigla é a junção de breakfast e lunch, ou seja, café da manhã e almoço).Ele conta com uma enorme variedade de alimentos, desde pães, frios e tortas salgadas, até bolos, doces e até bebidas alcoólicas. Ótima opção para comemorações especiais como o dia das mães.

Picnique no parque

Convide-a para um piquenique | Você pode aproveitar as comidinhas do brunch e ir comer em uma praça ou um parque bem bonito! Leve uma toalha e alguns enfeites para deixar a refeição ainda mais especial.

 Spa

Leve um Spa para casa, não há nada melhor do que aproveitar esse dia especial para relaxar, esquecer dos problemas e cuidar de si mesma.

Ao mesmo tempo que você e sua família desfrutam de agradáveis momentos de confraternização no conforto de sua casa, também recebem tratamentos que proporcionam beleza e relaxamento.

Entre em contato com o Viva Melhor e reserve a data para uma comemoração tranquila e intimista.

Cartões

Para muitas mães o que menos importa é o presente, mas o cartão, ahh esse não pode faltar.

Liste todos os motivos pelos quais você a ama.. Apesar de simples, esse presente é, com certeza, um dos mais carinhosos e amorosos. Certamente fará sua mãe chorar de emoção.

 

Prepare um Bolo

Um bolo beeem gostoso também seria um belo presente.

Você não precisa nem ser tão prendada para fazer um bolo lindo e delicioso, acredite!

Pesquise uma receita especial e asse em uma forma de coração.! Simples e fofo

Ou Compre uma massa pronta, capriche na calda e enfeite com laços, docinhos… Simples e fofo

Você ainda pode enfeitar o simples bolinho com flores. Fica um charme!

 Buque-com-fotos-e-flores

Monte um buquê com fotos da família | Incremente o buquê de flores com fotos de sua mãe em momentos especiais, com pessoas queridas. Além de bonito, o arranjo também será um presente carinhoso.

Vaso de Flores

Monte um vaso com as flores favoritas dela | Surpreenda sua mãe com um buquê bem grande, cheio de suas flores favoritas. Ela vai adorar!

 

Feito à mão

Escolha um presente handmade… Aproveite a ocasião para soltar a imaginação e colocar a mão na massa. Está com pouco dinheiro para gastar? Faça um presente! Sua mãe vai adorar o cuidado e o carinho. Capriche no embrulho, personalize, customize e deixe a imaginação rolar solta.

10 Faça o almoço

Faça um almoço especial para ela…Reúna sua família para a preparação de um almoço especial. Deixe sua mãe longe da cozinha, aproveitando para fazer surpresa sobre a refeição e preparar uma mesa bem bonita.

Cuidados com os riscos de infecção urinária

Infecção urinária é a presença anormal de microrganismos em alguma região do trato urinário.

O problema é causado geralmente pela presença das bactérias do trato gastrointestinal que migram por via ascendente da região perineal até a bexiga, podendo causar dores abdominais e na região do umbigo, além de ardência, odor fétido na urina e vontade frequente de urinar, porém com pouco volume.

Essa doença possui dois tipos: a cistite e a pielonefrite. A cistite é quando a infecção afeta a bexiga, enquanto a pielonefrite afeta o rim. Essa última possui sintomas mais severos.

A doença, que possui incidência de 80% a 90% em mulheres, é mais prevalente na idade reprodutiva.

Alguns fatores poderão contribuir para que a mulher tenha infecção urinária:

Anatomia feminina – A uretra da mulher é curta (de quatro a cinco centímetros) e próxima à região onde as bactérias costumam ficar. Esse curto caminho favorece que as bactérias cheguem à bexiga.

Menopausa – Nesse período da vida da mulher, a diminuição do estrogênio tem como uma de suas consequências a predisposição à infecção urinaria, isso porque altera a flora vaginal, a qualidade do tecido da vagina e da uretra, deixando a entrada das bactérias na região mais fácil e o ambiente mais propício para a colonização.

Relações sexuais – Por mais convencional que seja o ato sexual, ele é um fator de risco. Tanto é verdade que a “cistite da lua de mel”, conhecida popularmente, é a infecção urinaria que pode acontecer depois da relação sexual, já que o pênis pode ajudar a levar bactérias para dentro da vagina.

Hereditário – Se há um histórico materno de infecções urinárias frequentes, é possível que a filha tenha alguns episódios do problema durante a vida também.

Incontinência  – Os idosos, devido à incontinência urinaria, precisam usar as fraldas geriátricas com frequência. A fralda é abafada, úmida, se tiver com urina, esse ambiente é favorável para o aumento das bactérias na região vaginal. Além disso, o idoso tem mais predisposição ao problema já que a imunidade pode estar mais baixa com o avanço da idade.

Outros maus hábitos como beber pouca água, sentir vontade de urinar e não ir ao banheiro e falta de cuidados com a higiene pessoal também podem ser uma porta aberta para o problema.

 

Se você já teve uma crise de infecção urinária ou, só de ouvir a descrição dos sintomas, já quer evitar que o incômodo chegue até você, duas medidas simples podem ajudar:

  1. Beba bastante água diariamente e não deixe de ir ao banheiro quando sentir vontade de urinar. A ingestão de líquidos faz você ir mais vez ao banheiro e assim você vai evitar que a bactéria permaneça mais tempo dentro do organismo.

  1. Evite usar ainda as duchas vaginas e procure sempre quando for ao banheiro, limpar a região do períneo com o papel higiênico no sentido frente para trás. Do contrário poderá trazer as bactérias que estão na região intestinal para dentro da vagina causando a infecção da mesma forma. O sentido da ducha também é sempre de cima para baixo.
  2. Urinar logo depois da relação sexual também pode ajudar aquelas pacientes com cistite de repetição. O xixi lava a uretra ajudando a eliminar bactérias que possam ter entrado durante o ato.

TRATAMENTOS E CUIDADOS

Para a infecção urinária do tipo cistite é possível o tratamento com antibiótico de dose única, de curta duração (três dias) ou de longa duração (sete a dez dias). Já o do tipo pielonefrite, a indicação é o uso do medicamento de longa duração.

A idade e o modo de vida da paciente devem ser levados em consideração para a escolha do tratamento.

Problemas de pele causados pelo estresse

Não obstante os danos provocados por raios UV, vento e poluição, a pele ainda enfrenta problemas relacionados às emoções, principalmente o estresse, que interferem no bom funcionamento do organismo e deixam a pele muito mais susceptível a ataques externos.

O estresse aumenta a produção natural dos corticoides, facilitando a atrofia da pele e a perda de colágeno, o que causa também um déficit na circulação, acelerando o envelhecimento. Com isso, há uma queda na imunidade e o corpo fica mais vulnerável a infecções e outros problemas.

Quando o estresse faz parte da rotina, a pele é uma das mais afetadas. A tensão provoca alterações hormonais diversas no corpo e libera algumas substâncias na corrente sanguínea, podendo surgir descamações, áreas avermelhadas e ressecadas, olheiras e pele sem brilho. Peles oleosas também ficam com os poros mais dilatados e a derme mais grossa.

Conheça outros problemas da pele estressada e veja dicas para amenizá-los, além – é claro – de combater o estresse.

Cravos e espinhas: São muito mais comuns na adolescência, mas podem surgir na fase adulta por alguns fatores, incluindo o excesso de tensão. Pois o estresse aumenta a produção das glândulas sebáceas e deixa a pele mais oleosa, favorecendo o surgimento da acne

A primeira recomendação dos dermatologistas é não cutucar esses cravinhos,  pois os micro-organismos presentes nas unhas podem causar um processo inflamatório na acne, piorando o estado da pele e aumentando as chances de virar uma cicatriz. Em vez disso, lave o rosto duas vezes por dia com sabonete neutro, use apenas produtos indicados por seu médico para a sua pele e evite abusar de doces, frituras e gorduras, que aumentam a oleosidade da pele.

Alergias: O estresse age nas células do tecido conjuntivo associadas às reações alérgicas, chamadas mastócitos, isso, aumenta a coceira.

Para evitar que a alergia de pele piore: Aplique uma camada espessa de hidratante com filtro solar na área afetada para evitar manchas; Lave a pele apenas com água fria enquanto houver alergia; e evite coçar, para não aumentar a lesão;

Dermatite Seborreica: Essa doença provoca lesões avermelhadas e que descamam a pele – sobretudo o couro cabeludo – e é causada por um fundo chamado pityrosporum ovale, que se alimenta do sebo produzido pelas glândulas da pele. Os tratamentos costumam envolver o uso de xampus que combatem oleosidade, caspa ou fungos; loções para o controle da inflamação e das caspas e até mesmo medicações de uso oral que venham a controlar a oleosidade. Além disso, é bom expor a pele ao sol (com filtro solar e fora do período entre as 10h e 16h), pois os raios solares ajudam a amenizar o problema.

Furúnculo: Essa infecção é muito comum em regiões com dobras ou pelos, como virilha e bumbum. O furúnculo se transforma em um nódulo endurecido, vermelho e bem dolorido e, se não for tratado, pode virar uma ferida com pus.  Além do tratamento antibiótico, o furúnculo precisa ser drenado por um especialista.

Herpes Esse problema é causado por um vírus do próprio organismo e desencadeado por fatores como estresse, sol e baixa imunidade. Feridas em formato de bolhas aparecem no corpo – principalmente nos lábios e nos genitais. É preciso iniciar uma medicação oral para evitar o aumento de herpes, além de aplicar creme tópico para diminuir a transmissão.

Micose: É uma infecção é causada por fungos que se proliferam em ambientes úmidos, fechados e quentes. Ela é um dos sinais de que o sistema imunológico está deficiente

Para conter esse problema, seque o local após o banho todos os dias e use antifúngicos orais e tópicos (pomadas) indicados por um dermatologista.

Rosácea: Caracterizada por uma vermelhidão no rosto, a rosácea também pode apresentar nódulos, pus, inchaços e vasinhos. Tensão, ansiedade, estresse são fatores desencadeantes e o quadro pode piorar com o consumo excessivo de álcool e exposição solar. Dependendo do grau de rosácea, é necessário realizar tratamento medicamentoso.

Psoríase: Ela é uma doença inflamatória crônica, não contagiosa e caracterizada por lesões avermelhadas e que descamam. A psoríase costuma aparecer no couro cabeludo, nos cotovelos e nos joelhos. Além de controlar o estresse – que é um agravante do quadro -, é importante tomar sol e hidratar a pele de preferência com hidratantes sem ureia na formulação e sem perfume

Olheiras: As bolsas e manchas escuras embaixo dos olhos são decorrentes, principalmente, de noites mal dormidas. Um bom corretivo ajuda a disfarçar, mas, se as olheiras forem permanentes, a solução é procurar um dermatologista para tratar da forma correta.  Os cremes mais indicados para amenizar as olheiras são à base de ácido tioglicólico ou vitamina K. A vitamina C também ajuda, tanto como antioxidante, quanto como clareador. “É importante também usar filtro solar, pois o acúmulo de melanina pode piorar a aparência da olheira.

Cuidados com a pele no Outono

O outono chegou e aos poucos é possível sentir a mudança do clima. O calor intenso dá lugar a temperaturas mais frias que variam conforme a região do país. A intensidade de raios solares mais amena no outono atinge a pele de forma menos agressiva e isso favorece os tratamentos de pele.

Mesmo que a temperatura mais amena do outono seja boa para realizar tratamentos de pele, é preciso manter cuidados que mesclem a proteção contra raios solares, ventos frios e baixa umidade.

Aqui vão algumas dicas para uma pele de pêssego nesse verão :

CORPO:

Não tome banhos demorados com a temperatura da água muito alta. Prefira a água morna ou fria e não estenda o banho por mais de 10 minutos.

Enxugue a pele com cuidado. Após o banho, passe a toalha levemente pelo corpo sem a esfregar.

Utilize hidratantes ou óleos corporais logo após o banho e com a pele ainda úmida, isso potencializará o poder do cosmético. Para peles mais ressecadas, prefira cremes e pomadas mais concentradas com ingredientes que favoreçam a hidratação profunda.

Continue utilizando o protetor solar diariamente e sempre que for se expor ao sol.

ROSTO:

A pele da face é a que mais chama a atenção. Só a maquiagem não vai proteger seu rosto, até porque, ela pode ressecá-lo ainda mais. O rosto também precisa de hidratação e, mesmo para quem tem pele oleosa, hidratar essa parte do corpo é importante, já que a produção de óleo diminui com o clima seco, típico do outono.

Peles maduras e naturalmente secas devem ser higienizadas com sabonetes suaves, para peles sensíveis e com poder hidratante.

Faça a limpeza cutânea com produtos indicados para o seu tipo de pele.

Não utilize hidratantes muito concentrados no rosto para evitar a oleosidade.

Use demaquilantes à base de água termal e sem álcool.

A dica é se hidratar de dentro para fora, ingerindo muita água. Especialistas indicam a ingestão de, pelo menos, dois litros de água ao dia, pois este é o melhor hidrante natural para todo o corpo.

LÁBIOS:

A boca também chama atenção na harmonia do rosto. Quando ela se resseca, começa a descamar e, em casos mais críticos, podem até sangrar. Vale a pena investir em produtos voltados para a hidratação da área, tipo os  lip balms e reparadores de barreira labial para conferir uma proteção extra.

MÃOS:

A mudança de temperatura também atinge as mãos, que, como todo o corpo, tendem a se ressacar. Cremes à base de glicerina são os mais indicados para a hidratação das mãos durante o outono e é recomendável aplica-los várias vezes ao dia.

Cada pessoa possui um tipo de pele que necessita de cuidados específicos. Por isso, é importante visitar um dermatologista para saber mais detalhes de como cuidar da sua pele durante o outono e todo o resto do ano.

 

Curta o carnaval com saúde

Fevereiro já chegou e, com ele, o tão esperado carnaval.
Veja como curtir todos os dias de folia com o pique lá em cima e sem detonar a sua saúde.

  1. Use camisinha: O preservativo é sempre o melhor método para evitar Doenças Sexualmente Transmissíveis e a gravidez. Optar por métodos contraceptivos, como a pílula do dia seguinte, causam alterações hormonais e não previnem a contaminação de doenças
  2. Veja quem beija: A mononucleose infecciosa, conhecida como a “doença do beijo”, é transmitida, principalmente, dessa forma. Ela pode causar febre, dor de garganta e até problemas no baço e no fígado. A herpes labial também uma vez adquirida, será a sua companheira pela vida toda. Fique atento, ela só é transmissível enquanto estiver aparente.
  3. Evite os energéticos: essas substâncias são ricas em cafeína e, se consumidas em excesso, atrapalham o sono na hora de dormir, causam gastrite e sobrecarregam o organismo, podendo levar à arritmia cardíaca.
  4. . Mantenha a Hidratação: Para prevenir a desidratação causada pelo álcool e o excesso de transpiração, consuma muita água, sucos naturais de frutas, água de coco ou até mesmo bebidas isotônicas, que repõem os eletrólitos como sódio, potássio, magnésio e cloro perdidos. E durante o consumo de álcool intercale com um copo de água e coma alguma para manter a glicose estável no sangue. Dessa forma, os efeitos negativos, e até a ressaca, ficam mais brandos, evitando que você passe mal.

Aproveite a folia de maneira responsável, sem se esquecer de beber água, alimentar-se adequadamente e descansar o tempo suficiente para recuperação das energias

Cerveja Gelada e hidratação

Cerveja Gelada e hidratação

 

A cerveja gelada é um antídoto natural contra o calor. Na praia, aparece como uma das primeiras opções na hora de refrescar a garganta. Pouca gente sabe, no entanto, que o álcool é gatilho certo para a desidratação.

O álcool provoca desidratação ao inibir a secreção do ADH, o hormônio antidiurético liberado para barrar a saída de água (do sangue para a bexiga). Por isso, quando você bebe, a água continua sendo descartada (mesmo que haja uma baixa quantidade de líquidos no sangue). Além disso, o álcool possui baixo poder nutritivo e não fornecem nenhuma das substâncias requeridas para o bom funcionamento do organismo, como proteínas, vitaminas ou outros nutrientes. Outro problema que surge com a bebedeira é a hipoglicemia (baixa taxa de glicose, ou de açúcar, no sangue).

Em uma situação normal, quando seu nível de glicose cai muito, o fígado repõe a substância transformando o carboidrato estocado no organismo (glicogênio) em glicose, e evita a hipoglicemia. Mas não é isso que acontece quando o álcool também está presente no organismo.

Quando o álcool entra no sistema digestivo esse processo é prejudicado, porque o fígado fica ocupado em eliminar a bebida, considerada tóxica pelo corpo. Ou seja, o fígado não produzirá glicose até que termine de expelir a última gota de álcool do sangue. Então o órgão que deveria viabilizar energia para o organismo estará ocupado em metabolizar o etanol.

Por outro lado, e curiosamente, alguns maratonistas fazem uso da cerveja sem álcool para se hidratar. É que os polifenóis, substâncias naturais com potentes propriedades antioxidantes e anti-inflamatórias, estão presentes em quantidades importantes nos componentes não alcoólicos da cerveja. E um estudo apontou que o consumo da cerveja sem álcool algumas semanas antes e depois da prova pode diminuir o processo inflamatório agudo e a incidência de doenças no trato respiratório superior em corredores de maratona. Isso comprova que o grande vilão realmente é o etanol.

 

Mas para evitar problemas e curtir a estação mais quente e divertida do ano, não precisa abrir mão do latão…. rs

O consumo com moderação e intercalado com água está liberado seguindo algumas dicas:

1 – Em dias quentes, a exposição ao calor faz com percamos mais água que o normal, e por isso é importante também tomar uma dose extra de água.

2 – Observe sua urina. Quando a urina adquire uma tonalidade muito escura, é sinal que o organismo está economizando água, provavelmente porque as reservas estão diminuindo. Beba água até que a sua urina adquira uma tonalidade clara, e procure manter sempre essa cor.

3 – Consuma alimentos ricos em água. Além de ajudarem na hidratação, esses alimentos costumam ser menos calóricos que os demais, colaborando para manutenção do regime e da boa forma.

4- Se sentir sede, não hesite: corra e beba um copo de água. A sede é o sinal mais importante de que o organismo está precisando muito da água. Isso deve ser evitado. O ideal é que se tome pelo menos um copo de água a cada hora. Não engane o seu corpo.

Benefícios da massagem nos pés

 

Quem nunca desejou receber uma massagem nos pés depois de um dia cansativo de trabalho ou numa festa , depois de horas  dentro de um sapato apertado ou se equilibrando num salto alto ?

Massagem nos pés é tudo de bom, ainda mais depois de um dia de estresse. E sem dúvidas, uma das melhores coisas em receber uma massagem é poder relaxar.

Mas se você acha que a massagem nos pés serve apenas para relaxar está enganado.

A massagem nos pés tem um poder tão grande sobre o nosso organismo que é até considerada como uma das maiores ferramentas da medicina! Para provar isso, decidimos mostrar para você alguns benefícios que só 10 minutinhos de  massagem nos pés pode te trazer. Confira:

1 – Estimular a circulação sanguínea: a massagem dilata os vasos sanguíneos e melhora a circulação do sangue. Essa melhora da circulação alivia as dores nos pés e nas pernas e ainda pode ser um coadjuvante para pessoas que sofrem com varizes e dores constantes nas pernas por causa da má circulação.

3 – Aliviar o estresse: o SPA dos pés pode ser uma excelente terapia para aliviar o estresse, acumulado pela correia do dia a dia e relaxar o corpo e a mente pelos benefícios fisiológicos  que produz no corpo

4 – Proporcionar descanso: ao trazer o alívio das tensões, o relaxamento pelo contato com a massagem restauradora e hidratação, este se torna um momento muito agradável, capaz de renovar as energias,  promovendo  uma sensação de descanso em todo o corpo.

5- Combate a depressão: Pouca gente sabe, mas a massagem nos pés serve para aliviar os sintomas de depressão. O centro do dedão, o centro da bola do pé ou a bola do pé localizada sob o dedão estão entre eles. Esses pontinhos estão diretamente associados à estabilidade emocional e saúde mental.

6 – Pele mais macia: além dos benefícios para o corpo, o Spa dos pés também oferece benefícios particulares, pois melhora o aspecto da pele e a deixa mais macia e preparada para receber tratamentos estéticos e a hidratação.

7 – Ideal para quem usa saltos: o Spa dos pés é uma excelente terapia para quem passa muito tempo com sapatos de salto e precisa aliviar as tensões dos pés, e também para quem passa muito tempo em pé, ou mesmo depois de uma caminhada ou corrida.

8 – Alivia as calosidades: algumas pessoas chegam ao final do dia com dores nas calosidades, e a terapia do spa dos pés  também pode ajudar a aliviar essas dores e desconfortos, na maioria das vezes causados pelos sapatos apertados ou após exigir demais dos pés.

9 – Melhora das dores articulares: Quem sofre com dores nas articulações, provocadas por reumatismo ou artrite, também pode sentir os benefícios do Spa dos pés.

Além dessas, outras vantagens são o alívio das dores musculares, irritações e ardores, eliminação de  impurezas e renovação da pele, melhora no aspecto das cicatrizes, além de devolver a umidade natural da pele e combater fungos.

Todos esses benefícios o Viva melhor oferece em seu evento corporativo ou social  através de suas sessões especiais de Spa dos pés, massagens e outros momentos agradáveis que certamente vão te proporcionar mais qualidade de vida e bem estar. Para Inspirar e renovar energias faça essa maravilhosa surpresa para seus convidados ou colaboradores de sua empresa, fugindo um pouquinho da rotina e do convencional.

 

Alimentos da Ceia de Natal que fazem bem à saúde

Alimentos da Ceia de Natal que fazem bem à saúde

Basta pensar na ceia de final de ano para vir na cabeça a imagem de uma mesa farta com Rabanadas, nectarina, castanhas, nozes, lentilha, romã, peru e outras delícias. Porém, depois que o período de festas acaba, muita gente nem cogita incluir muitos destes alimentos no cardápio ao longo do ano.

Saiba que, alguns deles, além de saborosos, fazem muito bem à saúde:

Nectarina: Mais doce e nutritiva que o pêssego, a fruta é especialmente rica em beta-caroteno potássio e vitamina A, ajuda na proteção da vista, conserva a saúde da pele e auxilia no crescimento, além de ajudar na digestão, muito em função da Niacina existente na fruta. A vitamina C, encontrada na nectarina, dá resistência aos tecidos e age contra as infecções, e o melhor, tem somente 50 calorias.

Romã: A fruta das simpatias tem propriedades importantes para a nossa saúde: é rica em vitamina A, que ajuda a manter a pele bonita, saudável e favorece a visão. Também é rica em vitaminas do complexo B, que auxiliam a circulação, facilitando a eliminação de líquidos e aumentam a resistência às infecções.

Chester, Peru e Bacalhau: Este Trio super requisitado nas ceia são ótimas fontes de proteína magra.  Embora sejam mais saudáveis que as carnes vermelhas, têm gordura, principalmente nas peles, por isso além de retira-las, o ideal é que sejam assados ou grelhados, acompanhados de legumes.

Lentilha : Você já pensou em substituir o feijão por lentilha. Ela é uma excelente fonte de proteína vegetal e pode ser consumida o ano inteiro.  Ideal para a dieta e para a saúde, a lentilha é excelente  na formação e no fortalecimento da massa muscular e na cicatrização de ferimentos. Além de variar o cardápio, você faz bem à sua saúde.

Nozes: Além de serem ricas em magnésio e zinco, excelentes antioxidantes que ajudam na prevenção de diversos tipos de câncer e a fortalecer o sistema imunológico, são também ricas em niacina e outras vitaminas do complexo B, que ajudam a diminuir a vontade de comer doce.  Contêm vitamina E, um potente antioxidante que auxilia na prevenção de problemas cardíacos e ácido linoléico, que favorece a redução dos níveis de colesterol. As nozes são ricas em uma série de nutrientes que abastecem várias funções do nosso organismo. Um de seus componentes principais é o ômega 3, gordura boa encontrada em peixes de água fria, como o atum e o salmão.

Bastam cinco unidades por dia para ter saúde pra dar e vender.

Saiba quais são os benefícios dos exercícios físicos para a pele!

 

A cada dia que passa, mais pessoas se tornam adeptas da prática de exercícios físicos e confiam cada vez mais nos seus benefícios para a saúde e para uma vida mais tranquila e feliz.

Ao praticar regularmente atividades físicas, você melhora não só sua saúde física, como também a mental, e além de emagrecer, ainda pode ficar com a pele muito mais firme, bonita e saudável

Saiba quantas vantagens essa prática pode trazer para a aparência da sua derme!

 

Eles deixam a pele mais jovem

Não é surpresa que ter uma rotina de exercícios saudável ajuda a manter uma aparência mais jovem. Estudos comprovam que os benefícios dos exercícios físicos vão além disso e realmente rejuvenescem também a sua pele.

Esses mesmos estudos apontam que idosos sedentários já mostraram sinais de rejuvenescimento da pele depois de se exercitarem por apenas 3 meses! Ainda não foi esclarecido exatamente como isso acontece, mas com certeza já é motivo suficiente para tentar, não é mesmo?

Eles fazem suar, o que limpa a pele

A ideia de ficar todo suado ou suada certamente não é atraente para a maioria das pessoas e tem gente que sente até nojo. Mas não devemos ter preconceitos com o suor, já que ele é um excelente mecanismo para evitar que nosso corpo superaqueça. E também para manter a pele bonita!

Junto com o suor, nós eliminamos toxinas e abrimos nossos poros, empurrando pra fora algumas das substâncias e gorduras que poderiam, mais tarde, entupi-los e formar espinhas, por exemplo. Um bom banho depois de uma hora suando vai ser tão bom para a sua pele quanto qualquer tratamento!

Ajudam a oxigenar suas células

Quando você se exercita, seu corpo é colocado sob condições físicas mais exigentes do que o normal. Isso faz com que seus músculos precisem de mais oxigenação, o que demanda uma circulação mais rápida do sangue e faz seu coração bater mais rápido.

Essa oxigenação extra é tudo que suas células precisam para ficar mais saudáveis e energizadas. E, enquanto quem está pedindo mais energia são os músculos, a pele também “aproveita” pra se beneficiar disso, recebendo mais oxigênio e ganhando uma aparência mais viva e saudável.

Renovam o colágeno e tonificam a pele

Não é preciso nem mencionar os benefícios de se exercitar para ter pernas mais bonitas. Esse, aliás, é mais um exemplo de como a pele se beneficia do esforço dos músculos para ficar mais bonita.

Entretanto, não é só o tônus muscular que melhora com os exercícios, mas também o da pele. Exercitar-se regularmente ajuda a manter o colágeno e a elastina renovados, o que é ótimo para a tonificação e elasticidade da nossa derme.

Deixam a aparência mais saudável e radiante

Exercitar-se regularmente tem ainda um outro benefício, esse mais imediato: suar e elevar sua circulação diariamente ajuda a dar à sua pele aquela aparência mais rosada e brilhante, por causa da dilatação dos vasos.

Isso causa um ótimo impacto visual e ainda passa uma aparência de saúde e viçosidade para o seu corpo.

 

Combatem os radicais livres e previnem o câncer

Os exercícios ajudam na atividade dos seus antioxidantes naturais, que são os responsáveis por combater os radicais livres que podem ser encontrados em nosso organismo.

Esses radicais livres estão entre os responsáveis pelo surgimento do câncer e outros problemas de saúde. Então, ajudar o seu corpo em seus mecanismos naturais de defesa é uma vantagem não apenas para a sua pele, mas para todo o seu organismo!

 

Exercícios  trazem felicidade

Já foi mais do que provado que se exercitar libera endorfina, um dos hormônios responsáveis pela alegria e sensação de prazer. Além de tornar sua rotina mais saudável, se exercitar lhe deixa mais feliz! E convenhamos, poucas coisas deixam uma pessoa mais bonita do que um sorriso sincero, não é mesmo?

 

Alguns cuidados a serem tomados com a pele:

  • Certifique-se de que a sua pele está limpa antes de começar qualquer exercício físico.
  • Tome muito líquido antes, durante e após os exercícios. Água faz um bem enorme à pele!
  • Se pratica exercícios físicos ao ar livre, procure praticar atividades físicas nos horários em que o sol está menos agressivo, como antes das 10 horas da manhã e depois das 17 horas da tarde. O sol é o principal vilão da história! Sem a devida proteção, você pode ter queimaduras, causar o envelhecimento precoce da pele, manchas e até mesmo desenvolver um câncer na sua cútis.

Saber dos benefícios dos exercícios físicos foi suficientes para você começar a se exercitar e, de quebra, cuidar da pele? Que tal agora contar pra gente aqui embaixo quais são os seus exercícios preferidos?

Cuidados essenciais para uma pele sem manchas

  

Ter uma pele sem manchas é o sonho de muitas pessoas. A constante exposição ao sol, quando combinada com a falta de cautela pode trazer muitas pintinhas, que geralmente são bem difíceis de tirar. Para quem já sofre com o problema, é preciso dobrar os cuidados em busca da pele perfeita. Mas nem todo mundo sabe o que é possível fazer para prevenir as marcas na pele, por isso, este pequeno guia pode ajudar a reduzir o incômodo desse problema.

É importante ressaltar que nem toda mancha tem a mesma origem, por isso, cada uma delas exige um cuidado especial para ser prevenida. Em todos os casos, o acompanhamento de um dermatologista ajuda a excluir a hipótese de câncer e traçar estratégias para um tratamento mais eficiente e duradouro. Porém, a maioria das manchas comuns têm três causas: exposição ao sol, predisposição genética ou estímulo hormonal.

 

Proteção solar

Independentemente da causa, grande parte das manchas poderia ser evitada com o uso de um bom protetor solar, preferencialmente com fator de proteção acima de 30. O produto deve ser aplicado não só em praias e piscinas como também no dia a dia para evitar que o sol desgaste as células da pele, o que pode gerar novas manchas no futuro. Em todos os casos, é necessário que ele seja usado com ao menos 15 minutos de antecedência do período de exposição.

Para a exposição direta, o filtro solar deve ser reaplicado a cada duas horas, de maneira uniforme por todo o corpo. Não podemos esquecer de passar filtro solar nos pés, nas orelhas e nas axilas, pois essas áreas também ficam expostas. Durante o dia a dia, o cuidado pode ser mais direcionado ao rosto, colo, braços e mãos, especialmente para as mulheres, que têm mais predisposição para desenvolver melasmas (aquelas manchinhas pequenas que se espalham nessas áreas).

Além do filtro solar

Dependendo do grau de intensidade das manchas, impedir a exposição ao sol pode exigir um pouco mais de empenho. Nesses casos, sempre que precisar andar na rua, pode ser interessante bloquear o sol com uma sombrinha ou guarda-chuva. Usar roupas de manga comprida, por exemplo, impede o impacto do sol na pele do braço, e um bom chapéu e óculos escuros protegem contra as manchas no rosto.

Hidratação sempre em alta

Um cuidado bastante comum é deixarmos de lado a hidratação. A ingestão de ao menos 2 litros de água por dia garante uma pele mais viçosa e saudável, resultando em uma redução nos problemas de irritabilidade, ressecamento e até a acne, que pode gerar manchas. O uso de hidratantes adequados para cada tipo de pele também é indicado.

Redução da exposição à luz

Muita gente não sabe, mas as luzes artificiais — como a do computador, celular e até mesmo lâmpadas — também podem causar melanomas. Eles não costumam ser perigosas para a saúde, mas podem incomodar ao interferir na aparência.

Para evitar esse tipo de mancha, há duas opções: usar filtro solar durante o período de exposição, mesmo se for durante a noite, ou reduzir o tempo em que ficamos em frente aos aparelhos. Manter uma boa distância da tela do celular, por exemplo, também diminui a intensidade do dano.

Alimentação em dia

Ter uma alimentação saudável é um hábito benéfico para todo o organismo e isso se reflete na beleza da pele. Conforme a pele é bem nutrida, ela ganha forças para combater o processo de envelhecimento, que envolve a flacidez e o surgimento mais intenso das manchas. Uma boa variedade de cores no prato, evitar alimentos gordurosos e incluir as fibras no cardápio podem fazer maravilhas para o bem-estar da cútis.

Existem vários nutrientes como vitaminas e sais minerais que você deve incluir na rotina para ter uma cutis mais bonita.

Vitaminas

Biotina: É uma das vitaminas encontradas no complexo B e não beneficia apenas a pele, mas também cabelos e unhas. Um dos grandes destaques desse nutriente é que ele consegue ser sintetizado pelo nosso organismo, mas isso não significa que não precisamos adquiri-la de outras fontes.

A quantidade recomendada diária dessa substância é de 300 mcg (microgramas) que você pode conseguir consumindo alimentos como a gema do ovo, levedura, nozes, peixes e também o leite e seus derivados.

Vitamina E: Além de ser importante para o nosso sistema nervoso, a vitamina E é um poderoso agente antioxidante, ou seja, combate os radicais livres e retarda o envelhecimento celular.

Para conseguir todos os seus benefícios, os especialistas recomendam uma ingestão diária de 15 mg por dia. Você pode adquirir essa porção se alimentando dos seguintes alimentos:

  • Hortaliças como o alface, a couve e o espinafre;
  • Sementes como a de girassol;
  • Oleaginosas como a avelã e a amêndoa;
  • Óleos vegetais como o azeite;

Vitamina C: Muito conhecida por ajudar na cura de gripes e resfriados, a vitamina C tem outro papel importante na beleza da pele. Esse nutriente é um dos principais ingredientes para a produção de colágeno, um tipo de proteína que oferece maior sustentação para o tecido epitelial.

A dose diária chega a 90 mg e você pode consegui-la comendo alimentos já bastante conhecidos como a laranja, a acerola, o kiwi, o morango, a manga, o brócolis e outros. Você também pode garantir uma pele mais bonita realizando tratamentos com cremes que têm como base o ácido ascórbico.

Sais minerais

Ferro: Um mineral essencial para a nossa respiração. Parte do ferro que ingerimos com os alimentos fica dentro da hemoglobina, carregando moléculas de oxigênio. Se ele estiver com taxas abaixo do normal, pode resultar em um quadro conhecido como anemia ferropriva, que tem como consequência o enfraquecimento das unhas, queda dos cabelos e também torna a pele mais seca.

O ideal é ingerir cerca de 8 a 18 gramas de ferro por dia. O feijão é uma rica fonte de ferro como muitos sabem, mas nós conseguimos absorver mais o ferro presente na carne do que o que encontramos nesse alimento típico do brasileiro. O melhor é comer os dois, por garantia. Além deles, também temos o tofu, cereais, fígado de boi, vegetais verdes como a couve e vários outros ricos em ferro.

Zinco: Além de aumentar a fertilidade feminina auxiliando na produção de óvulos, o zinco também é um poderoso antioxidante. Como já foi dito, essa propriedade em alguns alimentos ajuda a retardar o envelhecimento celular e, consequentemente, o da pele.

As mulheres adultas precisam de 12 mg de zinco por dia, em média, mas essa quantidade deve ser aumentada durante a gestação e amamentação. O mineral pode ser encontrado em diversos frutos do mar como lagostas e ostras e também na carne vermelha.

 

Quer saber mais sobre como cuidar na sua beleza e deixar a pele sem manchas? Então assine a nossa newsletter e receba várias dicas em primeira mão!